21.3.09

Paciência e Esperança

Diz o ditado que a esperança é a última que morre. Mas não sei o que morre primeiro, se é a esperança ou a paciência. De certo modo me parece que elas andam juntas, ou não?

Seja qual for a primeira vítima, é fato que com 30 anos, vendendo o café da manhã pra ter o da tarde (almoço, quê?), sendo estagiário, sem perspectiva profissional, competindo com pessoas de 20 anos que moraram seis meses no Canadá/Irlanda/Austrália, com preparo e Q.I. (não to falando de inteligência/também to falando de inteligência) melhores que o seu, não há paciência ou esperança que dure. Só sobra a letargia de arrastar o cotidiano cinzento.

E nem a grana da cerveja me sobra pra dar uma alegrada.

Na vitrola Sketons of Society - Slayer (só pra animar)

3 comentários:

Thaína disse...

Puta, Edu, que merda!
Sabe que já chorei absurdos pelos mesmos motivos?
Às vezes eu digo que desencanei, desencantei do Jornalismo. Mas, sabe, do fundo do coração, me dói muito saber que vou ser mais uma profissional frustrada.
Tive que optar por um emprego que não dá prazer nenhum, mas pelo menos garante que a faculdade seja paga sem atrasos.
Falta grana para fazer o que eu gosto. E agora falta tempo também.
Mas, Edu, acho que vc não tem que se "desesperar" tanto assim. Vc está no caminho, tem talento de sobra, visão de raio-X (rss) e é o Edu-Xuxu que eu adoro, hahaha.
Vc vai ver: tudo vai dar certo. E, acho que paciência e esperança devem caminhar de mãos dadas com os sonhos e a gana de conquistar seu espaço.
Se precisar, vc tem que gritar, Edu! Mesmo que a princípio pareça ouvir apenas o eco da própria voz.
Beijão!

Luiza Silvestrini disse...

Vc ainda é meu fotógrafo preferido! :) Pena que eu tbm não tenho dinheiro! :P

Sá Heck disse...

manda tudo a merda e vamos pros states atravessando o rio!! resolveria seus problemas financeiros e os meus de não arranjar emprego falando ingles fluente, espanhol, tendo experincia na area e de morar fora...

merda.......tamo junto nessa!
PS: quando eu conseguir a PORRA de um emprego eu te pago uma cerveja!